Julgamento

Os trabalhos inscritos no PSTS deverão ter aplicação prática voltada para a solução de problemas concretos em relação à eficiência energética aplicada ao setor de saneamento.

Os trabalhos serão avaliados em duas etapas:

Etapa 1 - Análise documental: as propostas serão avaliadas de acordo com as disposições do Edital (veja na aba “Regulamento”). As propostas com documentação incompleta, encaminhadas fora do prazo previsto e/ou em desacordo com as normativas aplicáveis, serão consideradas inelegíveis e não serão encaminhadas para a Etapa 2;

Etapa 2 - Avaliação do trabalho escrito de acordo com os seguintes critérios:

I) Relevância da ideia para o setor de saneamento;
II) Mérito científico, originalidade e inovação;
III) Viabilidade técnica;
IV) Potencial de replicação;
V) Sustentabilidade: impactos sociais, ambientais e financeiros;
VI) Potencial de redução de consumo e/ou de geração de energia e de mitigação da emissão de gases indutores do efeito estufa.

Na Etapa 2, os trabalhos serão avaliados por uma Comissão Julgadora composta por cinco doutores, sendo dois membros externos à Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) e três empregados da Sanepar.

A avaliação da Etapa 2 será finalizada até a data de 10 de agosto de 2016.

Confira todos os detalhes na aba "Regulamento".